5 funcionalidades do Google Analytics que você precisa usar mais

Homem consultado no computador gráficos do Google Analytics.

Todo blogueiro sabe que o Google Analytics é uma ferramenta indispensável. Quem não gosta de olhar em tempo real quantas pessoas estão no seu site, o que estão lendo e de onde vieram? Eu, pessoalmente, me sinto muito hacker fazendo isso. 😛

Mas a ferramenta pode oferecer muito mais informações do que apenas o número de visitas no seu site. Neste post, vamos mostrar alguns dados fornecidos pelo Google Analytics que vão fazer você entender ainda mais o seu público e te ajudar a criar estratégias para fazer seu site crescer.

Vem com a gente! 😀

1. Quais são os interesses do seu leitor?

Gif de uma ilustração de uma máquina que analisa informações.

Dados são muito úteis, e é isso o que o Google Analytics faz para você: transforma o comportamento de seus leitores em dados fáceis de ler que ajudam a entender como as pessoas interagem com seu conteúdo.

Você já deve saber que o Google Analytics reúne várias informações sobre seus leitores: faixa etária, sexo, cidade, estado ou país onde residem. Mas há informações ainda mais detalhadas que podem te ajudar a entender melhor seu público.

Nos relatórios da aba “Interesses”, você conhece os hobbies, gostos e hábitos do seu leitor. Esses relatórios fornecem ainda mais detalhes sobre quem está acessando seu blog e o que estão procurando nele. Por exemplo: além de Viagens, tema do seu site, seus leitores também podem se interessar por Negócios, Filmes, Livros, Saúde ou Celebridades.

Gráfico mostrando uma visão geral dos interesses dos leitores do Blog da WePlann.

Veja como a maioria dos nossos leitores são também potenciais compradores, e muitos têm interesses relacionados a viagens!

Se você olhar as “Afinidades das Categorias”, você tem acesso a um relatório que vai ainda mais além: ele mostra os hábitos de consumo por cada categoria, apresentando a taxa de conversão de cada grupo, número de transações realizadas e valor gerado. Assim você sabe qual categoria está mais interessada em adquirir um produto com a sua indicação.

Gráfico mostrando mais dados sobre o comportamento de cada categoria.

Esse gráfico mergulha mais nos dados sobre o comportamento do público de cada categoria.

Consultando os relatórios de “Interesses” você conhece melhor o seu público e pode criar novos conteúdos relacionados com esses interesses para atrair mais leitores. Se seu leitor também se interessa por Notícias, você pode começar a divulgar mais notícias do mundo do turismo. Se ele gosta de Cinema, você pode mostrar lugares incríveis que já foram cenário de filmes famosos, como o nosso parceiro Dicas Nova York fez neste post sobre um tour por lugares que apareceram em séries e filmes.

2. De que forma seu leitor acessa o seu blog?

Gif de um homem lendo atentamente algo no computador.

Já parou para pensar quantos leitores acessam seu blog de um smartphone? Pense neles!

Outro dado relevante que você pode pegar sobre sua audiência é que tipo de tecnologia ela usa. Seus leitores visitam seu blog em dispositivos móveis ou em desktops? Que navegadores eles mais usam?

Os relatórios em “Tecnologia“, que estão na aba “Público“, mostram quantos leitores acessam seu blog através de um computador e que tipo de navegador eles usam. Já em “Dispositivos Móveis” ele compara quantas pessoas acessam o blog de um desktop, celular ou tablet, e ainda indica quais são os dispositivos usados. Com esses dados, você pode otimizar seu site para ser mobile friendly e testar se ele funciona corretamente em diferentes dispositivos ou browsers. Enfim, você pode otimizar ainda mais a experiência de usuário (UX) do seu blog.

Aliás, já faz tempo que o Google está dando preferência para sites que possuem versão mobile ou que sejam responsivos, ou seja: esses sites aparecem primeiro nas buscas. E o motivo é óbvio: muitas pessoas acessam a internet por smartphones, e o Google procura dar os melhores resultados para seus usuários. Vamos usar novamente nosso blog como exemplo: olha só como quase metade dos acessos são através de dispositivos mobile. 

Gráfico mostrando a quantidade de acessos ao blog da WePlann através de dispositivos mobile.

Pouco mais da metade dos nossos acessos ainda são através de desktops, mas não podemos ignorar uma grande parcela de leitores que acessam nosso conteúdo de smartphones e tablets!

Além do bom conteúdo, um site de sucesso também precisa oferecer uma boa experiência de usuário: ser seguro, responsivo e leve. Consultando o relatório “Tecnologia” você vai ter boas informações para começar a pensar em como otimizar seu site para que ele funcione ainda melhor.

3. De onde os seus leitores vêm?

Gif animado de um computador mostrando vários gráficos.

O que está gerando tráfego pra seu site? É essa pergunta que os relatórios em “Aquisição” respondem.

Em “Aquisição você pode conferir de onde seus leitores estão vindo. Blogs tendem a ter grande tráfego de pesquisas orgânicas, como as buscas feitas no Google. Mas os leitores também podem vir das redes sociais, de outros sites, de e-mails… Aqui no blog grande parte dos acessos são feitos através de pesquisa, isso quer dizer que nosso conteúdo está bem rankeado, mas também temos outras fontes de visitas. 

Gráficos mostram a quantidade de visitas que o blog recebe através de pesquisas, redes sociais, acesso direto e e-maiils.

É normal que sites focados em conteúdo tenham grande número de acessos através de pesquisas. Pessoas estão procurando por mais informações e nosso conteúdo está bem posicionado.

Analise o que traz tráfego para seu site para aprimorar sua divulgação. Por exemplo: se o número de visitas geradas pelas mídias sociais está baixo, você pode pensar em estratégias para aumentar seu tráfego através desse canal. Se você percebe que há leitores acessando seu site através de links em e-mails, você pode trabalhar em uma newsletter periódica para divulgar novos conteúdos, e assim seus leitores não perdem suas atualizações.

Há diversas formas de conseguir acesso para o seu site, como mostramos neste post aqui no blog, então use esses dados para criar estratégias de divulgação mais eficazes!

4. Como seu leitor lê o seu blog?

Gif de homem mostrando uma moldura com um gráfico dentro.

“Look at this graph…”

Sempre quis saber o que seus leitores fazem dentro do seu site? Então é aqui que você tem que ir!

A aba “Comportamento do Google Analytics fornece informações sobre quais páginas do seu blog são mais acessadas, quais são as últimas páginas visualizadas antes de seus leitores deixarem seu site e também quais termos são mais pesquisados dentro dele.

Aqui tem um exemplo de quais posts do blog foram mais acessados durante este ano.

Lista de posts mais acessados no Blog da WePlann em 2018.

Perceba que nossa página de inscrição na newsletter tem muitos acessos, isso porque incentivamos nossos leitores a se inscreverem através de uma pop-up.

Essas informações são muito importantes para entender o que seus leitores estão buscando e como estão usando seu site. Assim você pode desenvolver outros conteúdos sobre esses temas para conquistar novos leitores, e também trabalhar melhor os links dentro de seus posts para fazê-los passar mais tempo no seu blog – o que vai melhorar seu rankeamento.

Em um programa de afiliação, você também pode aproveitar para analisar quais são os seus posts mais lidos e inserir links do seu afiliado neles – mas sempre dentro do contexto do post, claro.

5. O que chama a atenção do seu leitor?

Animação de gráficos do Google Analytics.

Parece coisa de espião, mas você pode acompanhar todos os movimentos dos seus leitores dentro do seu blog.

Outra ferramenta importante de Comportamento são os “Eventos, que estão dentro da aba “Comportamento”.

Eventos, na linguagem do Google, são todas as vezes que seu leitor faz alguma ação dentro do seu site, como clicar em um link, em um vídeo ou em um menu.

Essa funcionalidade exige um pouco mais de conhecimento técnico, pois para monitorar os eventos você deve configurá-los no código do seu site ou então através de uma ferramenta mais simples, como o Google Tag Manager. Mas apesar de parecer complicado, recomendamos muito que você tente acompanhar os eventos de seu site!

Com os Eventos, você sabe se seus links, banners e outros elementos estão bem posicionados e chamando a atenção de seus leitores, podendo avaliar o que funciona ou não para eles. Você pode testar diferentes Call to Actions em diferentes lugares para saber qual se sai melhor (ou seja, qual gera mais cliques ou até conversões). Enfim, esse relatório analisa com profundidade o comportamento do seu leitor dentro do seu site, indicando como ele navega dentro dele.

Acompanhar os “Eventos” e planejar seu conteúdo conforme essas métricas com certeza vai impactar a maneira que sua audiência lida com seu conteúdo e te ajudar a conseguir mais cliques.


Gostaram das dicas? Mexa no Google Analytics sem medo! Numa primeira olhada aquele monte de gráficos e relatórios pode parecer complicado, mas depois que você aprende a ler os dados tudo fica muito mais fácil. O Google até oferece cursos gratuitos para quem quer saber mais sobre o Analytics, seja para aprender o básico ou se aprofundar mais nas suas ferramentas. Então não tem desculpa para deixar de acompanhar o desempenho de seu blog. 😉

Ainda não está convencido? Dê uma olhada neste post da Klécia Cassemiro no Hello Blogger que também fala sobre a importância do Google Analytics para entender melhor seu leitor.

Se você quiser tirar dúvidas e saber mais como o Google Analytics pode te ajudar, entre em contato com seu gerente de afiliação aqui na WePlann.

One thought on “5 funcionalidades do Google Analytics que você precisa usar mais

  1. 21/08/2018 at 18:48

    Gostei muito do post. Extremamente útil para o dia a dia <3

    WePlann, cada vez melhor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *