Barcelona no inverno: como aproveitar a cidade ao máximo

Sagrada Família, Barcelona.

Sagrada Família (Flickr | (CC BY 2.0) | Iwao Kobayashi)

Ao contrário de outros destinos super procurados na Europa, Barcelona é agraciada com um inverno bastante suportável. Por isso, se você pretende ou vai viajar para lá nessa época, não se desespere. Primeiramente, você não vai congelar. Para quem gosta de um friozinho então… a visita à capital da Catalunha ficará ainda mais agradável! Em segundo lugar, alguns eventos imperdíveis acontecem justamente na estação mais gelada do ano. Já começou a se animar? Esperamos que sim, pois temos dicas quentinhas para você aproveitar a cidade ao máximo.

Contudo, antes de tudo, é importante ter clareza sobre o clima nesse período. O inverno em Barcelona vai de 21 dezembro até 20 março, sendo janeiro o mês com temperaturas mais baixas. Em geral, variam entre 5 e 15˚C. É bem raro chegar a zero ou menos graus. Ou seja, nada que roupas apropriadas não resolvam. Mas para não ter dúvidas, veja como fazer a sua mala de inverno.  Você será considerado sortudo se ver neve. Se esse foi um objetivo, considere conhecer os Picos Nevados na região dos Pirineus – ficam a cerca de 120km de Barcelona.

Vantagens

Basta você visitar Barcelona no verão para perceber a principal vantagem de viajar para lá no inverno: há menos turistas na cidade. Isso por si só implica em uma série de outras vantagens. Para começar, o preço das passagens de avião e dos hotéis diminui consideravelmente. Em seguida, você não precisará enfrentar filas enormes – muito menos em baixo de um sol escaldante – em bares, restaurantes e atrações. Para completar, o inverno é uma época seca, o que significa que você também não precisará levar um guarda-chuva para todos os lados. Além disso, suas fotos vão contar com um lindo céu azul como pano de fundo.

Desvantagens

A primeira desvantagem é bem óbvia: o frio. Apesar de ser menos frio em Barcelona do que em cidades como Madrid, Paris e Londres, ainda sim pode ser um empecilho para quem realmente detesta o inverno. No entanto, se você for preparado para enfrentá-lo com roupas quentinhas, tenho certeza que aproveitará a cidade da melhor forma possível. A única atração que será realmente difícil de curtir ao máximo é a praia. Infelizmente, não recomendamos um mergulho no mar durante o inverno. Mas fora isso, não há mais desculpas para evitar Barcelona nessa estação.

Museus

Já que o inverno é uma época de baixa temporada em Barcelona, aproveite para conhecer os seus mais disputados museus sem ficar horas na fila. Confessamos que também é uma boa oportunidade se esquentar um pouco depois de bater perna pelas ruas charmosas da cidade. Por isso, preparamos uma lista com os cinco melhores museus de Barcelona.

Museu Picasso, Barcelona.

Museu Picasso (Flickr | (CC BY 2.0) | OK Apartment)

1. Museu Picasso: a coleção permanente conta com 4.251 obras, essencial para compreender os anos de formação do pintor e a sua forte conexão com a cidade de Barcelona.

2. Fundació Joan Miró: a fundação foi criada pelo próprio Miró com obras de sua coleção privada. O museu fica no arborizado Parc de Montjuïc, fazendo a visita valer em dobro.

3. MNAC (Museu Nacional de Arte da Catalunha): o museu é lindíssimo por fora e interessantíssimo por dentro. É um dos mais renomados do mundo em arte românica.

4. CCCB (Centro de Cultura Contemporânea de Barcelona): um centro com diversas exposições dentro da temática contemporânea.

5. MACBA (Museu de Arte Contemporânea de Barcelona): do pop europeu às vanguardas dos anos 1960 e 1970, o museu conta com obras de importantes artistas locais e internacionais.

Dicas

O Articket BCN é um passe que te dá acesso a todos esses museus, garantindo uma economia de 45% do valor total que você pagaria se comprasse cada ingresso individualmente. É uma forma econômica de conhecê-los, pois inclui visita a todas as coleções permanentes e também às exposições temporárias. Você pode garantir o seu passe aqui.

Se você tiver vontade de se aprofundar mais na arte de Pablo Picasso, também recomendamos um tour a pé por Barcelona que inclui um ingresso para o Museu Picasso. Nesse passeio de duas horas, um guia te conduzirá por locais importantes para formação e desenvolvimento do artista, além do museu, e explicará tudo sobre sua obra com todos os mínimos detalhes. Reserve o tour aqui.

Monumentos e atrações

Assim como os museus, os monumentos e atrações ficam mais vazios. Essa é a sua chance de visitar as obras mais famosas de Gaudí com tranquilidade. Um dos maiores arquitetos do mundo, foi ele quem projetou edifícios como a Sagrada Família, a Casa Battló, a Casa Milà (conhecida também como La Pedrera) e o colorido Park Güell.

Leia mais: Tour Gaudí, a rota do Modernismo em Barcelona

Camp Nou del Fútbol Club Barcelona

Camp Nou (Flickr | (CC BY 2.0) | JonathanVitela)

Mas Barcelona não é feita apenas de Gaudí. Você também pode aproveitar para assistir a um jogo de futebol em um dos estádios mais famosos do mundo, o Camp Nou; fazer uma visita guiada pelo magnífico Palau de la Música Catalana e até mesmo sobrevoar Barcelona e o grandioso Montserrat de helicóptero.

Festas típicas

Fiestas de Santa Eulàlia, Barcelona.

Fiestas de Santa Eulàlia (Flickr | (CC BY-NC-ND 2.0) | Jordi Boixareu)

Em homenagem a uma das santas e patronas de Barcelona, acontecem as fiestas de Santa Eulàlia (ou festes, em catalão) durante um fim de semana de fevereiro. As ruas ficam repletas de bonecos gigantes e figuras folclóricas e populares da cultura catalã, como diabos, dragões, águias e leões. Esta famosa tradição, que anima o inverno de Barcelona, data do século 14.

Fique esperto: diversos museus abrem suas portas para visitas gratuitas durante a celebração!

Compras no inverno

O melhor momento para fazer compras em Barcelona é por volta da segunda semana de janeiro até o final de fevereiro. Nesse período acontecem as rebajas de invierno, que são as famosas queimas de estoque e liquidações de inverno. Os descontos são tão bons que se recomenda deixar espaço na mala para ocupar com as comprinhas.

  • Roupas de grife (Gucci, Prada, etc): Passeig de Gràcia e Avenida Diagonal
  • Roupas de lojas populares (Zara, H&M, etc): Portal Del Angel
  • Roupas modernas (estilistas locais): vielas do Barrio de Gràcia e Gótico

Gastronomia

A gastronomia em Barcelona é invariavelmente deliciosas em qualquer estação do ano. Como já falamos sobre os melhores bares de tapas e locais para desfrutar os populares brunches na cidade, vamos ressaltar dois pratos típicos e populares no inverno: os calçots (cebolas compridas, assadas e com molho) e o chocolate quente bem denso com churros fininhos e sem recheio. Nhum-nhum!

O que mais você recomenda para aproveitar o melhor de Barcelona no inverno? Deixe suas sugestões nos comentários! 

Escrito por . Cidadã do universo, jornalista e escritora, que ama qualquer tipo de viagem e comida. É criadora de Conteúdo no WePlann.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *