Roteiro para fãs de Ramones, a banda da cidade de Nova York

Entre as muitas bandas importantes surgidas em Nova York, os Ramones também deixaram a sua marca na Big Apple.

Os Ramones foram uma banda icônica do cenário musical de Nova York, marcando a cidade com a sua história.

Em 1974, no subúrbio novaiorquino de Forest Hills, no Queens, surgia uma das maiores bandas do rock mundial. Já tem alguma ideia? Hoje, a primeira edição do nosso ‘Banda da Cidade’ vai falar de Ramones! Em 22 anos de carreia, a banda lançou 21 álbuns e tocou em mais de 2 mil shows. Descubra o que visitar em Nova York para descobrir um pouco mais sobre as marcas que a banda deixou na Big Apple.

Não dá pra falar no autêntico cenário musical de Nova York sem falar de Ramones. A banda, considerada uma das precursoras do Punk Rock, nasceu com Johnny (guitarra), Joey (bateria) e DeeDee (baixo e vocal). Com o tempo, o integrante Tommy assumiu a bateria fazendo com que Joey comandasse os vocais. O título ‘The Ramones’ veio do nome falso que o Paul McCartney, dos Beatles, utilizava para fazer check in em hotéis na Alemanha como forma de despistar a mídia. Ramones eram fãs dos Beatles – mas isso já é assunto para outra edição do ‘Banda da Cidade’!

via GIPHY

A primeira apresentação do quarteto aconteceu, curiosamente, em um clube de Nova York chamado CBGB (Country Blue-Grass Blue), voltado inicialmente à música country. Ao longo do seu primeiro ano, a banda acabou fazendo 25 shows por lá! O local acabou se tornando mundialmente conhecido como uma referência no cenário do Punk Rock. Com as habituais jaquetas de couro, jeans rasgados e tênis batidos, os Ramones começaram a impregnar a cidade de Nova York com o seu nome e seu estilo irreverente.

Se você é fã da banda e for a Nova York, não pode deixar de visitar alguns lugares icônicos para o sucesso e a história dos músicos. Uma boa ideia é andar por Nova York em um ônibus Hop on Hop off e conheça seus principais pontos turísticos! Você pode descer e subir quando quiser e paga seu ticket em R$, sem IOF e em até 12x. Listamos aqui alguns locais que vão te deixar no clima eletrizante no rock novaiorquino:

Reserve já seu tour com o ônibus Hop on Hop off!

East Village

Bairro de Manhattan, berço da contracultura americana dos anos 60 e 70. É por lá que fica o CBGB. Outros grandes nomes da música também marcaram o bairro, como New York Dolls, Iggy Pop e The Velvet Underground. A região está impregnada de histórias interessantes e faz valer a pena um passeio para explorar suas ruas e becos.

CBGB

Hoje, o icônico clube funciona como uma boutique de moda. É possível visitá-la na 315 Bowery Street. Você encontrará uma peculiar mistura entre moda, arte e Rock ‘n Roll nos itens à venda, que dividem o espaço com uma das paredes originais do antigo reduto do Punk que foi preservada.

53rd & 3rd

Esquina que dá nome à música. Para os maiores fãs, vale para tirar uma foto e imaginar as letras da obra homônima dos Ramones. Estar no exato local que inspirou a música pode ser uma experiência incrível!

via GIPHY

Placa ‘Joey Ramone Place’

Em 2003, foi instalada uma placa em homenagem ao artista na esquina da Bowery e da 2nd Street. O vocalista, natural de Nova York (nascido na Jeffrey Hyman street em Forest Hills, no Queens) faleceu em 2001 em decorrência de um câncer. Um fato curioso é de que essa é considerada a placa mais roubada da cidade de Nova York! Fãs estão sempre atrás de tê-la como um souvenir e lembrança de seu ídolo. Agora, para evitar furtos, a placa está pendurada a 6 metros acima do chão (o que, na realidade, não eliminou os incidentes por completo).

Enquanto você não vai para Nova York, aproveite para fazer um tour à distância através da música: fica aqui um tributo de Joey Ramone à Big Apple (além do som, é impossível não curtir as ruas da cidade que aparecem no vídeo, né?)!

Foi pra Nova York e visitou algum desses locais? Sabe de mais algum ponto importante na história dos Ramones que você gostaria de conhecer na cidade? Conte pra gente!

Escrito por Lígia Leite, Paulistana viajante apaixonada por Jornalismo, música e ver o mundo. É criadora de Conteúdo no WePlann.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *